Pe. Fábio de Melo: Eucaristia e a Ressurreição de Cristo – prova de heresia

Published on maio 27, 2011 by   ·   34 Comments
Pe. Fábio de Melo contra a presença real de Jesus Cristo na Eucaristia.
O que nos ensina Pe. Fábio de Melo sobre a presença real de Nosso Senhor na Eucaristia?
Segundo ele:
O que é a presença real? A matéria consagrada? O pão e o vinho somente? Não. Juntamente com as duas substâncias está o bonito e sugestivo significado da ausência.”. (do seu livro – MELO, Fábio de, CHALITA, Gabriel. Cartas entre amigos. São Paulo: Ediouro, 2009. p. 31 (o negrito é nosso).
Ora, no Sacramento da Eucaristia a matéria consagrada é o Corpo, Sangue, Alma e Divindade de Nosso Senhor Jesus Cristo! Isso é o que nos ensina o catecismo:
“Qual é a matéria do Sacramento da Eucaristia? A matéria do Sacramento da Eucaristia é a que foi empregada por Jesus Cristo, a saber: o pão de trigo e o vinho de uva.Que é consagração? A consagração é a renovação, por meio do sacerdote, do milagre operado por Jesus Cristo na última Ceia, quando mudou o pão e o vinho no seu Corpo e no seu Sangue adorável, por estas palavras: Isto é o meu Corpo; este é o meu Sangue.”. ( Terceiro Catecismo da Doutrina Cristã (Catecismo Maior de São Pio X). Parte IV. Cap. IV. § 1)
Portanto: “na Eucaristia, o que antes da Consagração era simples pão e vinho, é verdadeira substância do Corpo e Sangue de Nosso Senhor, desde que se efetuou a Consagração.”. (Catecismo Romano. Parte II. Cap. IV, 9)
Logo, é na matéria consagrada que se dá, de fato, a presença real de Nosso Senhor Jesus Cristo. E negar essa verdade é defender a mentira. É ensinar heresia.
Vejamos. O que é a Eucaristia para o Pe. Fábio de Melo?
“eucaristia, acontecimento ritual que nós, católicos, chamamos de ‘presença real de Cristo’. O que é a presença real? A matéria consagrada? O pão e o vinho somente? Não. Juntamente com as duas substâncias está o bonito e sugestivo significado da ausência.”. (Fábio de Melo e Gabriel Chalita. op. cit. p. 31.)
Desse modo, para Pe. Fábio de Melo, a Eucaristia seria: um acontecimento ritual, que nós católicos chamamos de presença real de Cristo, onde juntamente com as duas substâncias está o bonito e sugestivo significado da ausência.
Portanto, podemos concluir que para o Pe. Fábio de Melo:
1. Na Eucaristia há duas substâncias: a do pão e a do vinho.
2. Ou, forçando o sentido para ser mais benévolo, na Eucaristia haveria duas substâncias: a da matéria necessária para o Sacramento (pão e vinho) e a substância de Cristo.
No primeiro caso ele seria condenado pelo Concílio de Trento (ses. XIII, c.I):
“Se alguém negar que o Santíssimo Sacramento da Eucaristia contém verdadeira, real e substancialmente o corpo e o sangue, juntamente com a alma e divindade de Nosso Senhor Jesus Cristo, e, portanto, Cristo inteiro; mas disser que somente está em sinal, figura ou virtude: Seja Anátema.”. (ALASTRUEY. Gregório. Tratado de la Santisima Eucaristia. Madrid: Biblioteca de Autores Cristianos. 1952, p. 69)
E no segundo caso?
Também não escaparia:
“Seja anátema quem disser que no sacrossanto Sacramento da Eucaristia remanesce a substância do pão e do vinho, juntamente com o Corpo e Sangue de Nosso Senhor Jesus Cristo”.( Catecismo Romano. Parte II. Cap. IV, 36 )
Logo, Pe. Fábio de Melo nega a presença real e incorre em heresia não ensinando o que todo católico deveria saber, ou seja, que na Eucaristia há apenas uma substância: a de Nosso Senhor Jesus Cristo.
Por fim, Pe. Fábio de Melo faz uma afirmação estranhíssima, que corrobora sua negação da presença real. Segundo ele, na Eucaristia há, também, um “bonito e sugestivo significado da ausência.”. Absurdo! Na Eucaristia não há significado de ausência coisa nenhuma, mas, pelo contrário, existe a presença real e – para que o Pe. Fábio de Melo não esqueça – substancial de Nosso Senhor Jesus Cristo.
Tudo isso é triste, lastimável e condenável.
Nós sabemos que o Pe. Fábio de Melo defende a evolução dos dogmas.( Ficamos sabendo, pela internet, que o Pe. Fábio de Melo defendeu abertamente – num ambiente asqueroso – a evolução dos dogmas. Link:
http://www.youtube.com/results?feature=moby&search_query=pe.+F%C3%A1bio+de+Melo+no+J%C3%B4&search_type=&aq=f (30/07/09). ) Mas a santa doutrina é imutável como o Deus que ela nos revela. Tanto é assim que essa heresia ensinada pelo Pe. Fábio de Melo foi condenada, não só pelo Concílio de Trento (séc. XVI), mas por toda a santa e milenar Tradição da Igreja Católica.
Vejamos.
No II século, São Justino, descrevendo a Missa, afirmou: “Este alimento chama-se entre nós Eucaristia… E não tomamos este como pão comum, nem como bebida comum; mas assim como pelo Verbo de Deus feito carne, Jesus Cristo nosso Salvador teve carne e sangue por causa de nossa salvação, assim também se tem nos ensinado que naquele alimento no qual se deram graças pela súplica que contém as palavras Dele… é a carne e o sangue daquele Jesus encarnado.”.( Gregório Alastruey. op. cit. p. 84)
No século V, o Papa São Leão Magno afirmou: “Dizendo o Senhor: Se não comerdes a carne do Filho do homem e beberdes seu sangue, não tereis vida em vós (Io. VI, 53), deveis participar da sagrada mesa, de tal maneira que nada duvideis sobre a verdade do corpo e do sangue de Cristo.”.( Idem. p. 86 )
E no século IV nos fala São Cirilo de Jerusalém: “Havendo ele mesmo pronunciado e dito do pão: Isto é meu corpo. Quem se atreverá a duvidar? E havendo Ele mesmo assegurado e dito: Este é meu sangue. Quem o porá em dúvida, dizendo que não é seu sangue?”.(Idem. p. 85)
O Pe. Fábio de Melo negou. Pesam sobre ele as condenações da Igreja Católica.
fonte: http://www.montfort.org.br/old/index.php?secao=veritas&subsecao=igreja&artigo=fabio-de-melo&lang=bra
Pe. Fábio de Melo contra a Ressurreição de Jesus Cristo.
O que Pe. Fábio de Melo nos ensina sobre a Ressurreição de Nosso Senhor Jesus Cristo? Segundo ele:
“Gosto de compreender a ressurreição de Jesus da mesma forma. Diante da ausência sentida, a saudade fez o apóstolo intuir e proclamar: ‘Ele está no meio de nós!’”.[Fábio de Melo e Gabriel Chalita. op. cit. p. 30.)
A ausência sentida e a saudade fizeram o apóstolo intuir? Por que ausência? Pela Ressurreição Nosso Senhor não voltou a estar, inclusive com corpo (portanto, materialmente), entre os apóstolos?[“No terceiro dia depois da morte, que era um domingo, pela madrugada, Sua Alma se uniu ao Corpo. Deste modo, Aquele que por três dias estivera morto, tornou à vida que, com a morte, havia deixado, e ressuscitou.” (Catecismo Romano. Parte I. Cap. VI, 7)]. Não são eles mesmos que nos afirmam: “Nós vimos o Senhor” (Jo XX, 25). Ou Santa Maria Madalena: “Vi o Senhor e ele me disse essas coisas.” (Jo XX, 18). Por que saudade? Ora, só se tem saudade de quem não está presente, mas diz o Evagelho: “Chegada, pois, a tarde daquele dia, que era o primeiro da semana, e estando fechadas as portas da casa onde os discípulos se achavam juntos, com medo dos judeus, foi Jesus, pôs-se no meio deles e disse-lhes: A paz esteja convosco. Dito isto, mostrou-lhes as mãos e o lado. Alegraram-se, pois os discípulos ao ver o Senhor.” (Jo XX, 19-20).
Disso tudo, podemos concluir três coisas:
1. Nosso Senhor não estava ausente, mas presente – inclusive materialmente – entre os apóstolos.
2. É difícil imaginar como os apóstolos podiam ter saudades de Cristo, sendo que Cristo estava com eles.
3. Nosso Senhor deu-lhes uma prova material daRessurreição ao mostrar-lhes as mãos perfuradas pelos cravos e o lado perfurado pela lança.
O que é, portanto, que Pe. Fábio de Melo quer dizer com tudo isso?
Falando sobre seu modo de pensar a Ressurreição, ele nos afirma:
“Não importa que haja um corpo encontrado ou um corpo desaparecido. O que a ressurreição nos sugere é muito mais que um corpo material. O mais importante, e o que verdadeiramente pode mover o cristianismo no tempo, não está na prova material da ressurreição, mesmo porque não a temos.”.[Fábio de Melo e Gabriel Chalita. op. cit. p. 30]
E num artigo de seu Blog, ao falar da Ressurreição, declara:
“O que me instiga em tudo isso é a falta de provas para o fato. O sepulcro estava aberto, vazio. (…) A imposição dessa verdade não passa pela materialidade do mundo, nem tampouco pode ser explicada através das claras regras que foram postuladas por nossa razão cartesiana. (…) Estamos falando de algo maior, superior. O que despertou o grito da ressurreição foi o encontro dos olhares de quem havia estado com Ele. Foi o momento em que João reconheceu em Pedro a presença do Mestre.”.[Encontrado no site: www.fabiodemelo.com.br (30/07/09 – negrito nosso)
(link: http://www.fabiodemelo.com.br/novo/blog/index.php?cd_fotolog=33)]
Agora fica mais claro. Pe. Fábio de Melo nega que existem provas da Ressurreição.
Mas o que nos diz o Evangelho a respeito?
Vejamos:
“Enquanto falavam nisto, apresentou-se Jesus no meio deles e disse-lhes: A paz seja convosco. Mas eles turbados e espantados, julgavam ver um espírito. Jesus disse-lhes: porque estais turbados e que pensamentos são esses que vos sobem aos corações? Olhai para minhas mãos e pés, porque sou eu mesmo; apalpai, e vede, porque um espírito não tem carne, nem ossos, como vós vedes que eu tenho. Dito isto, mostrou-lhes as mãos e os pés. Mas, não crendo eles ainda e estando fora de si com a alegria, disse-lhes: Tendes aqui alguma coisa que se coma? Eles apresentaram-lhe uma posta de peixe assado e um favo de mel. Tendo-os tomado comeu-os à vista deles. Depois disse-lhes: Isto são as coisas que eu vos dizia, quando ainda estava convosco, que era necessário que se cumprisse tudo o que de mim estava escrito na lei de Moisés, nos profetas e nos salmos. Então abriu-lhes o entendimento, para compreenderam as Escrituras; e disse-lhes: Assim está escrito, e assim é necessário que o Cristo padecesse e ressuscitasse dos mortos ao terceiro dia, e que em seu nome se pregasse a penitência e a remissão dos pecados a todas as nações, começando por Jerusalém. Vós sois as testemunhas dessas coisas.” (Lv XXIV, 36-48).
Desse modo podemos concluir, contra o Pe. Fábio de Melo, que:
1. Havia provas de sobra para o fato. Aliás, bem materiais, diga-se de passagem.
2. O que fez os apóstolos crerem na Ressurreição não foi o encontro dos olhares coisa nenhuma, mas ver Nosso Senhor ressuscitado, falando e comendo com eles.
3. Deus Nosso Senhor quis provar com um milagre visível sua Ressurreição.
4. Negar que existem provas da Ressurreição é o mesmo que negar as Sagradas Escrituras e, por conseqüência, a própria Ressurreição.
Como não poderia deixar de ser, a Santa Madre Igreja, para proteger a fé dos erros modernistas, condenou no Decreto Lamentabili de São Pio X a seguinte afirmação: “A ressurreição do Salvador não é propriamente um fato de ordem histórica, mas de ordem meramente sobrenatural que não foi demonstrado, nem é demonstrável, e que a consciência cristã insensivelmente deduziu de outros fatos.”.[Papa S. Pio X - "Lamentabili Sine Exitu" MONTFORT Associação Cultural http://www.montfort.org.br/index.php?secao=documentos&subsecao=decretos&artigo=lamentabili&lang=bra
Online, 30/07/2009 às 14:51h]
Negar a existência de provas é negar que a Ressurreição seja demonstrável. E negar que haja provas é negar o caráter histórico do fato (Ressurreição) narrado pelas Sagradas Escrituras.
Portanto, Pe. Fábio de Melo, infelizmente, incorre em mais uma condenação da Igreja.
http://www.montfort.org.br/old/index.php?secao=veritas&subsecao=igreja&artigo=fabio-de-melo&lang=bra
====================================================

Porque nos pronunciamos contra o Padre Fábio de Melo

O nosso site recebeu nos últimos dias alguns e-mails e comentários permeados de acusações pelo fato de termos criticado o pronunciamento do Padre Fabio de Melo a respeito do PL 122( Lei que criminaliza a homofobia). Pessoas nos chamando de “hipócritas e fariseus”, outras nos acusando de “Orgulhosos que se acham os donos da verdade” e por ai vai. Este artigo é para estas pessoas que nos criticaram e também para os católicos que firmemente apegado a doutrina nos encorajou a continuar expondo as verdades da fé e não o relativismo moral, ou seja, pregar aquilo que se pensa e não o que ensina a doutrina católica.
As matérias que foram publicadas no site estão nestes links:
http://www.regina-apostolorum.com/2011/06/sobre-o-pronunciamento-do-padre-fabio.html
Para a Igreja Católica o humanismo verdadeiro é sustentado por duas colunas: “Caritas in Veritate”. Analise esta frase do Papa Bento XVI“Sem verdade, a caridade cai no sentimentalismo. O amor torna-se um invólucro vazio, que se pode encher arbitrariamente”. O Papa coloca a verdade como protetora da caridade, portanto, a Igreja nos orienta a não cair no paradoxo de em nome do “amor” deixar de lado a verdade. Colocamos a palavra amor entre parêntese por que o verdadeiro amor jamais extingue a verdade.
O padre Fabio de Melo não podia ficar livre de acusação. A Igreja não pode fazer com que o amor ao próximo se torne uma realidade sentimentalista promotora da arbitrariedade. Não podemos aceitar o pronunciamento de mentiras passar de forma desapercebida e não fazer nada. O papa Bento XVI nos orienta: “A recusa da verdade não salva o homem ”. Esta nossa atitude não representa ódio do Padre Fabio, pelo contrario, amamos, porém o amor revelado por Deus tem princípios de fidelidade com a verdade , portanto a mentira não pode ter vez.
Analise conosco alguns pontos do pronunciamento do Padre Fabio e veja como o discurso diverge do catolicismo:
No minuto 01:58ss do Vídeo ele diz: ( Sobre união estável de homossexuais) “Todos os cidadãos tem o direito de serem protegidos por leis que possam criar esta estrutura que facilite a vida. Que possa orientar, né, a conduta caso uma pessoa venha falecer.”
Ele acha justa a decisão do “STF” sobre o reconhecimento de União estável entre pessoas do mesmo sexo. O argumento é embasado encima do exemplo da necessidade de deixar herança, caso algum componente do casal homossexual morra.
E o que a Igreja pensa? Vejamos um trecho da Carta do Cardeal Josef Ratzinguer ( agora papa) que foi aprovada pelo Beato João Paulo II:
“Em presença do reconhecimento legal das uniões homossexuais ou da equiparação legal das mesmas ao matrimónio, com acesso aos direitos próprios deste último, é um dever opor-se-lhe de modo claro e incisivo. Há que abster-se de qualquer forma de cooperação formal na promulgação ou aplicação de leis tão gravemente injustas e, na medida do possível, abster-se também da cooperação material no plano da aplicação.”
Vejam só, nesta carta o Papa não esta falando só da equiparação da União gay com a união hetero, o Santo Padre fala particularmente do reconhecimento da união estável homossexual. O que o Santo Padre pede oficialmente através da carta? Eis o texto: “Há que abster-se de qualquer forma de cooperação formal na promulgação ou aplicação de leis tão gravemente injustas e, na medida do possível, abster-se também da cooperação material no plano da aplicação.”
É claro que o pensamento magistral da Igreja diverge integralmente do pensamento e da posição do Padre Fabio de Melo, mais claro que isto só a luz do sol. Eis a razão de nossa oposição cerrada: A fidelidade a sã doutrina e ao magistério.
No minuto 03:29ss do vídeo ele diz: (Sobre Pr. Malafaia e o Deputado Jean): “Muito lucida, não é verdade, a reflexão dele( Malafaia). Você ter o direito de manifestar sua opinião do ponto de vista filosófico, do ponto de vista religioso, e você ser respeitado por isto sem que isso seja um crime. Agora eu não tenho o direito de usar de palavras agressivas que venha ferir a dignidade das pessoas. Que foi justamente a palavra do Deputado Jean que estava defendendo a causa homossexual. Então ele dizia: “Nós não queremos que os discursos venha dizer que nós estamos possuídos pelo demônio, que nós somos gente de segunda categoria”. Então veja bem: Nos dois lados existem razão”.
O Padre Fabio acha mesmo que o PL 122 quer só amordaçar os Cristãos? Realmente ele não conhece o projeto e se posicionou de forma irresponsável. O PL 122 se aprovada vai criminalizar toda atitude crítica contra o homossexual, incluindo no âmbito moral. Ou seja, você pode até discordar do ato homossexual, mas não pode fazer nada além de discordar, pois qualquer atitude moral de discórdia será crime de homofobia. Portanto se você não contratar um homossexual na sua empresa você será homofóbico, se você impedir seu filho do contato com o Kit Gay você será homofóbico e isto se estende em vários âmbitos. Haja vista que há relatos que pais foram presos por se oporem ao Kit Gay nas escolas de seus filhos. Confira esta notícia de um Pai preso por protestar contra a sodomia:
O Padre disse que é justo uma lei delimitar o que se fala em um púlpito para que não se demonizem todos os homossexuais e os coloquem como pessoas de segunda categoria. Por mais que se deva ter respeito aos homossexuais no púlpito, esta ideia de estado colocar regras a serem seguidas por religiosos cheira totalitarismo socialista dos mais terríveis. É bom o Padre Fabio ler esta frase do Papa Leão XIII:
“Não ajudar o socialismo . Tomai ademais sumo cuidado para que os filhos da Igreja Católica não dêem seu nome nem façam favor nenhum a essa detestável seita” (Quod Apostolici Muneris, no. 34).
Só recordando, o padre disse recentemente que o socialismo “equilibrado” faz bem para a sociedade e que Jesus era socialista. Mais uma vez ele faz apologia a algo que a Madre Igreja condena. Veja a entrevista do Padre indo contra o Magistério da Igreja:
No minuto 7:55ss ele disse: “ agora o que nós não podemos admitir é que nosso discurso religioso possa ferir a dignidade humana, mesmo quando nós queremos ser proféticos. Acho que há uma forma de ser profeta sem você precisar ferir a dignidade do outro”.
A dignidade humana não esta acima da gloria de Deus. Portanto não se pode embasar no jargão do “Respeito Humano” para restringir seu discurso religioso ao que é do agrado de tudo e de todos. Medite sobre o “respeito humano” na meditação do mês com Maria:
Este discurso de profetismo com respeito a dignidade humana é próprio de quem deseja que o discurso religioso seja rebaixado ao “politicamente correto”.
Um profetismo que exclui do vocabulário a palavra pecado, inferno, céu, purgatório, vida eterna entre outras é um falso profetismo. Cremos que a linguagem deva ser adaptada para que a pessoa evangelizada acolha o missionário, mas se a palavra profética não culminar com o uso dos conceitos citados a cima, sem dúvidas a evangelização não foi para a gloria de Deus, mas sim para a gloria humana.
Será que o Padre acha que Santo Estevam e São João Batista foram profetas desiquilibrados? Será que o Padre acha que São Padre Pio era fundamentalista ao bradar contra as pessoas escravas do pecado no confessionário? Será que Jesus feriu a dignidade humana quando discursou ferozmente contra os Fariseus (Mateus 23)?
O jeito Padre Fabio de ser profeta esta longe dos exemplos que a História da Igreja nos conta.
No minuto 11: 52ss ele disse: “Cuidado para você não fazer parte destas agressões , ou seja através das muitas manifestações que poderão acontecer pelo Brasil, já estou alertando, por que eu acho que isto ainda vai render muito e nós precisamos ter uma postura muito equilibrada nesta hora, para que você também não esteja lá agredindo ou defendendo – por que as vezes em nome de um valor agente comete crimes maior que nós queremos evitar”.
Esta foi a parte que mais nos decepcionou. Onde ocorreu alguma manifestação desiquilibrada? Gente, não é próprio de conservador promover revolução. O que se faz é manifestos pacíficos. E foram estes manifestos que fizeram uma grande diferença para que as leis não fossem aprovadas. Esta demorada reflexão isenta de uma atitude frente ao problema esta longe de ser catolicismo. Olha o que a Igreja fala para se fazer no documento Dignitatis Humanae , 14:
“Na formação de suas consciências, os cristãos hão de ater-se porém, à doutrina santa e certa da Igreja. Pois, por vontade de Cristo, a Igreja Católica é mestra da Verdade e assume a tarefa de anunciar e de ensinar autenticamente a Verdade que é Cristo. O discípulo tem o grave dever de anunciar a verdade recebida de Cristo com fidelidade e defendê-la com coragem”
Este documento impõe sobre nós discípulos e missionários o dever de defender a fé com coragem, diferentemente do discurso açucarado do Padre Fabio de Melo.
O comportamento do Padre Fabio de Melo foi contrario aos documentos da Igreja. Por que tanta revolta com nosso site? Só tem uma resposta : “Porque virá tempo em que os homens já não suportarão a sã doutrina da salvação. Levados pelas próprias paixões e pelo prurido de escutar novidades, ajustarão mestres para si”. ( I Timo 4 v. 3 a 4)
O Padre Fabio gastou tanto tempo defendendo ideias incompatíveis com a verdade católica e não deu atenção especial a noticia terrível da queima de bíblias promovidas pelo movimento gay. Por que será que o Padre não falou do assunto? Omissão? O nosso site cobriu esta atrocidade, confira:
Saudades do Padre Léo que bradava sem “respeito humano” nenhum em rede nacional contra a tirania do estado. O padre Fabio admira tanto o padre Léo, por que ele não faz isto que o Padre Léo fez:
Infelizmente a praga da ditadura do relativismo entrou na Igreja conforme denunciou o Papa Bento XVI na homilia de abertura do conclave para eleger o novo papa( Homília na íntegra: http://servosdamae.webnode.com.br/news/a-ditadura-do-relativismo-por-cardeal-joseph-ratzinger-bento-xvi-/ ).
Hoje em dia é normal receber repreensão no contexto eclesial por se fazer alguma denuncia a um herege ou um apostata. Foi o caso que ocorreu esta semana no site por causa do triste episodio envolvendo o Padre Fabio. Ficaram revoltados conosco por que colocamos fotos do Padre, o nome dele em evidencia e o chamamos de herege, meloso e outras coisas. Mas quem disse que isto não representa catolicidade? Quem disse que isto é radicalismo fanático religioso? É bom que os irmãos estejam instruídos a respeito da história da Igreja e de seus documentos atuais antes de nos condenar no “juízo do politicamente correto”.
É graça na História da Igreja o surgimento de “apologetas( Defensores da fé)” que de forma evangélica denunciara as heresias e desmascararam os hereges. Veja o que São Francisco de Sales – Doutor da Igreja – fala sobre isto:
“Os inimigos declarados de Deus e da Igreja devem ser difamados tanto quanto se possa, desde que não se falte à verdade, sendo obra de caridade gritar: ‘Eis o lobo!’,quando está entre o rebanho ou em qualquer lugar onde seja encontrado” .
Palavras fortes e permeadas de verdade. Eis o amor verdadeiro. O amor de mãos dadas com a verdade e inimigo supremo da mentira.
Sobre o padre Fabio o problema é pior ainda, sua retórica é muito boa e seus discursos têm algumas verdades. No meio de suas famosas “massagens de egos” surgem heresias venenosas e impuras. O Papa Leão XIII nos alerta quanto a isto:
“Não pode haver nada de mais perigoso do que aqueles hereges os quais, enquanto percorrem toda a doutrina sem erros, com uma só palavra, como uma gota de veneno, infectam a pura e simples fé divina e depois a tradiçao apostólica”.
Santo Irineu de Lyon também:
“Por astuta aparência de verdade, os hereges seduzem a mente dos inexpertos e escravizam-nos, falsificando as palavras do Senhor”.
Não é a primeira vez que o Padre Fabio se posiciona contra a doutrina católica. Ele já falou a respeito de evolução de dogmas, escreveu no seu livro com o Chalita heresias a respeito do Santíssimo Sacramento e também já pregou uma teologia da ressurreição incompatível com as verdade da Igreja. É por isso que denunciamos.
Neste link você pode saber mais sobre o a aversão do Padre Fabio a respeito da imutabilidade dos dogmas:
Sobre posicionamento teológico herético sobre a Eucaristia acompanhe neste link:
E por fim veja o seu pensamento não católico sobre Ressurreição :
Vamos fazer umas analogias para vocês entenderem o nosso comportamento. Pensa conosco na questão dos vazamentos de gás radioativo que esta acontecendo no Japão. Só tem uma forma de você não ser contaminado pelos gases: Não se aproximando das usinas. Mas como você vai saber qual usina esta saindo gás? Alguma pessoa generosa deve falar para você onde estão as usinas com problemas. É isto que fazemos irmãos, só que tratando da vida espiritual. Mostramos para vocês quais sãos os pregadores, padres e até bispos que estão pregando um conteúdo contaminado pela mentira. Já imaginou alguém falar para você que tem gás radioativo em um lugar e não apontar o lugar de onde vem? Angustiante, né? É angustiante para a Igreja falar de heresias sem falar de hereges.
Imagina você em uma guerra, você vai atirar na arma do seu oponente ou no seu oponente? Claro que no seu adversário. Atire na arma e ele logo vai arrumar outra para te matar. As armas dos hereges de hoje são muitas: Livros, músicas, CD,s, Internet, Jornais, Tv e tantas outras. O que fazer? É necessário atirar no adversário, é preciso difamar o herege com verdade e caridade. A credibilidade na mão de um herege é uma desgraça. Ele a usa para perder muitas almas.
Um bispo chamado D. Fox nos alerta para algo muito interessante a respeito dos Santos Padres da Igreja, ou seja, para os primeiros defensores da fé. Ele disse que todos eles, sobretudo, Santo Agostinho antes de “bater” nas heresias eles “batiam” nos hereges. É verdade! Isto esta nos nomes dos livros, quase todos os livros desmascaram o herege já na capa colocando em evidencia o seu nome, eis alguns exemplos: “Contra Fortunatum Manichaeum”, Adversus Adamancium; Contra Felicem; Contra Secundinum; Quis fuerit Petilianus; De gestis Pelagii; Quis furiet Julianus, etc.
É bom deixar bem claro que toda denuncia deve esta embasada na Verdade.
Sempre vão aparecer aqueles modernistas que dizem o seguinte: Mas isto é da Igreja primitiva e medieval, os tempos mudaram, a Igreja é outra depois do Concílio Vaticano II. Mentira. Vamos ver documentos da Igreja sobre esta questão.
Primeiro o Código de Direito Canônico:
Cân. 212 § 3. “De acordo com a ciência, a competência e o prestígio de que gozam, tem o direito e, às vezes, até o dever de manifestar aos Pastores sagrados a própria opinião sobre o que afeta o bem da Igreja e, ressalvando a integridade da fé e dos costumes e a reverência para com os Pastores, e levando em conta a utilidade comum e a dignidade das pessoas, dêem a conhecer essa sua opinião também aos outros fiéis”.
Observe que a Igreja sabe que um Pastor pode tomar tais atitudes que pode compromete o bem da Igreja, neste caso ela dá total liberdade para os leigos capacitados manifestar suas opiniões. Tanto aos pastores como também dêem a conhecer sua opinião a todos os fieis. É isto que está escrito na citação do código acima e é o que fazemos no site.
Sabemos que temos que respeitar o sacerdócio da Igreja nos pastores, não só o sacerdócio, mas também a pessoa. Porém é preciso deixar claro que a Igreja não isenta Sacerdotes de erros e também os condena caso sejam hereges. Dois exemplos foram os padres Ario que iniciou a heresia ariana e Lutero que iniciou a heresia protestante.
Muitas pessoas tem medo de “sujar” a imagem da Igreja frente a sociedade com estas denuncias. Se a sociedade quiser ver a ausência desta “falsa unidade” na Igreja basta ler a historia , não teve um momento se quer que não tenha existido “apologetas” denunciando os lobos presente no meio do rebanho. Se for levar em conta isto então o papa Bento XVI cometeu um grande equivoco ao reconhecer a pedofilia no clero e pedir em rede mundial na praça de São Pedro para mandar os padre pedófilos para a cadeia. O papa estava errado? Que caminho seguir então?
Felizmente a Igreja dá ao leigo fiel e conhecedor da sã doutrina a liberdade de colocar suas posições. O concílio vaticano II consolidou isto na “Lumen Gentio”.
Os leigos, como todos os cristãos, têm o direito de receber abundantemente dos sagrados pastores os bens espirituais, sobretudo os auxílios da palavra de Deus e dos sacramentos; manifestem-lhes, pois, as suas necessidades e os seus desejos, com a liberdade e confiança próprias de filhos de Deus e irmãos em Cristo. Segundo a ciência, competência e prestígio que possuam, têm a faculdade, às vezes até o dever, de manifestar o seu parecer no que se refere ao bem da Igreja”.
Eis a verdade! Que não é nossa, é da Igreja. Falamos sobre o padre Fabio por que tem que ser falado. Vamos denunciar todas as heresias que sair da boca dele e de outros que falarem mentiras . Não vamos nos abster. Não queremos confusão, não queremos brigas, queremos paz. Porém não confunda paz com pacifismo. Seremos católicos de verdade custe o preço que custar.
Que as pessoas que nos criticaram no caso do Padre Fabio nos compreendam, estamos sendo católicos como a Igreja sempre pediu. De forma ousada queremos até mesmo chamar estes irmãos a serem conosco este amantes profundos de Deus, da Igreja e do próximo. Que não temem perder a falsa paz, as falsas amizades e até mesmo a própria vida para vivenciar o autentico amor evangélico.
Conclamamos todos os leitores deste artigo a recitarem com fé e piedade uma Ave-Maria por todos os sacerdotes da Igreja, sobretudo pelo Padre Fabio de Melo. Rezem por nós também. Não queremos nada, a não ser a gloria de Deus.
Agradecemos profundamente a todos os irmãos blogueiros que de forma admirável tem esta consciência moral. São muitos que fica difícil lembrar todos, mas para que os leitores tenha ciência de alguns lembramos no momento os seguintes sites:

http://diasimdiatambem.com/

GRÁTIS: Receba Atualizações em seu E-mail:

Confirme em sua Caixa de Entrada ou Spam Agora!
Deus seja louvado por estes e por tantos outros.
Coragem! Avante! A Verdade triunfará!
Salve Maria!
Bruno Cruz ( [email protected])
Anderson Luís dos Reis([email protected])

FONTE


GRÁTIS: Receba Atualizações em seu E-mail:

Confirme em sua Caixa de Entrada ou Spam Agora!

LEIA TAMBÉM: Assuntos Relacionados

Tags: 

Readers Comments (34)
  1. Alexandre disse:

    Caros Colegas,

    Antes de tudo, precisamos de muita oração… como nos é pedido pela nossa Mãe Santíssima, e nas revelações de nosso Senhor a Santa Faustina.

    Jesus revelou a Santa Faustina como são poucos os Sacerdotes que Lhe são fiéis, e como isto machuca seu coração.

    Na novena da Misericórdia há pedido especial aos sacerdotes… se há sacerdotes que estão machucando o coração de Cristo, isto também ocorre pq muitos de nós Católicos são omissos em suas orações.

    São Luiz Meltfort tem um livro maravilhso, O Tratado da verdadeira devoção a Virgem Maria, e isso nos mostra como em tantos outros Santos, como o nosso clero precisa da nossa Oração.

    Quanto maior é a entrega a Cristo, maior é a raiva do malígno… esta raiva Santa Faustina nos relata, São Pio de Pietrecilna chega a apanhar dos demônios… vejam quanto maior a santidade destes grandes Santos, maior foi essa luta interna.

    Penso que nos alertar sobre o ocorrido é importante, mas também não vamos jogar pedras… e sim orar!

    Nosso Santo Papa, nossos bispos, padres, monges, freiras… precisam e muito das orações.

  2. Edilene disse:

    Concordo plenamente com o que falou Diego Emmanoel Ferreira Pinheiro, sobre o herético Padre Fábio de Melo.
    E não é julgamento que estou fazendo: É constatação.
    Pra começar, não entendo “as pregações” daquele pobre Padreco. São prolíxas, ininteligíveis… São, totalmente diferentes das PREGAÇÕES DO PADRE PAULO RICARDO, DO PADRE LÉO(falecido), DO PADRE FABRÍCIO (um menino-CN), E DE MUITOS OUTROS PLASMADOS E FORMADOS NA FÉ VERDADEIRA DA IGREJA CATÓLICA. Inclusive, na Pregação de muitos Bispos maravilhosos. Por mais que me esforçe, não o entendo em muitas coisas que ele (Pe.Fábio) fala. Ele pode até ser muito inteligente, mais, é uma inteligência só pra ele mesmo.
    Me desculpe os seus fãs, àqueles que o cultuam, mas, àquele padre é um vaidoso, um narcisista.
    Ora, quando ouço os Padres, nas missas, ou em qualquer outro lugar, quero ouvir JESUS CRISTO FALANDO, NÃO UM VAIDOSO E PROLÍXO, QUE SE ACHA BONITÃO e É CHEIO DE INOVAÇÕES QUE FEREM A FÉ CATÓLICA.
    Fico abismada, em pensar, como é que a CNBB não toma uma posição em relação as heresias proclamadas pelo tal Pe.Fábio de Melo.
    E repito: Não é julgamento. É CONSTATAÇÃO. É VISÍVEL, NÃO VÊ QUEM NÃO QUER OU QUEM NÃO CONHECE A DOUTRINA DA IGREJA CATÓLICA.
    É tão gritante a soberba do pobre Pe.Fábio, que, se contestado, se confrontado, se criticado, classifica os que lhe são contrários, sem nenhuma humildade: de demônios de plantão.
    E ele, é o que? DEMÔNIO EM AÇÃO.

  3. Juliano  Beretta disse:

    F.T., não consegui encontrar em “www.vatican.va” a lista dos antipapas, poderia fornecer o endereço completo?

  4. adalto disse:

    Sou Católico desde que nasci, vi péssimos padres, freiras,religiosos,leigos sairem da Igreja, e eu continuei e Continuo nessa Caminhada, nada me faz desistir, somos muito criticados por outras religiões e seitas, pois conheço muito bem como agem contra a Igreja Católica. Mas não devemos esquecer e observar, que temos Inimigos infiltrados dentro da Igreja, isto já faz parte de um grande plano montado há muito tempo, certas coisas….que estão acontecendo, não me surpreende, isto faz parte do plano do maligno. Tenham muita Fé em Jesus Cristo, pois a Igreja Vencerá, mas coisas vão acontecer, tenham bastante discernimento e observem, continuemos na Fé. Temos visto muitas heresias(seitas)(teoria da tal reencarnação), péssimos exemplos na nossa Igreja, saibam que a Igreja Católica e Invejada e criticada por outras religiões e seitas, que na realidade, não gostam da nossa Igreja, mas apenas nos aceitam….graças a Deus, que temos Excelentes e Dedicados Sacerdotes e ainda um imenso Rebanho Católico bem conduzido e seguem pela palavra de Jesus.

  5. Marcelo disse:

    Prezados, é verdade que o Papa Leão X, não acreditava em Cristo, dizendo ser uma fábula?

  6. Daniel Z Jr disse:

    Realmente cego, pena que seja muito conhecido e seguido como se diz a baixo ele fala e repete eresias em rede nacional, e muitos dos que escutam aceitão por não terem tanto conhecimento, por não terem tantas “faculdades” quanto ele que é estudado e tem a função de diciplinar o povo que tem grandes quantidades de gente simples, humilde e sem estudos, assim temo que ele leve muitos a doutrinas erradas mesmo dentro da Igreja.
    tenho que me redimir quando dias antes tentei dar um voto de confiança a este que prega contra o que diz nossos costumes e nossa doutrina,

    Sinto muito por uma pessoa tão estudada como ele estar cego e caminhando por caminhos incertos,
    Quem pode dizer quem o esta guiando?

    só nos resta rezar para que Deus o abra o ólhos.

  7. Diego Emmanuel Ferreira Pinheiro disse:

    Bom, nunca achei muitas atitudes do Pe. Fábio de Melo aceitáveis, do ponto de vista moral e doutrinário.

    A começar pelo programa que ele visitou: do Jô Soares. Eu já fui um grande fã desse Jô Soares. Fui muito prejudicado no ensino médio porque assistia ao programa desse senhor TODOS os dias na Rede Globo. Hoje eu jamais repeteria esse grande erro na minha vida. O Jô Soares é publicamente um libertinário, defensor do modernismo e neo-liberalismo. O Padre Fábio, se realmente fosse conservador (como todo padre deveria ser, pois é o mundo que deveria acompanhar a Igreja da Santíssima Trindade e não o contrário), jamais visitaria tal programa.

    Segundo: a batina. Alguém já viu esse padre usando batina (quando digo esse, não quero humilhá-lo, menosprezá-lo ou nada do tipo, apenas não o respeito muito enquanto sacerdote, pois ele não age, em várias ocasiões, como um verdadeiro apóstolo de DEUS que deveria ser). A batina é símbolo de disciplina, de vida voltada para as missões, que são árduas e exigem um compromisso ímpar do sacerdote para com a causa divina de salvar almas. O único padre que realmente admiro nesse sentido aqui na minha cidade é chamado, nada mais nada menos, Pedro. O senil, porém grandiosamente sábio, Pe. Pedro usa batina todos os dias e dela não abre mão. É um sacerdote lúcido e extreamente sábio, com o qual eu, minha namorada e pessoas de minha família e da família dela tivemos a honra de nos confessar, graças a DEUS. O Pe. Pedro é um exemplo dessa disciplina que todo sacerdote deveria ter. É óbvio que até os sacerdotes têm vocações diferentes dentro do exercício da vida consagrada a DEUS, ou seja, na execução desse grande sacramento. Alguns padres têm mais vocação para, por exemplo, gerenciarem programas televisivos e de rádio, que são ferramentas de evangelização (quando usadas da maneira correta), outros para o recato nos monastérios; etc. Entretanto, algumas atitudes são exigíveis de todos os sacerdotes e a disciplina é uma delas. A batina deveria ser utilizada como mais um dos vários símbolos católicos que demonstram para o rebanho de Cristo, o compromisso dos sacerdotes para com sua missão de guiar esse rebanho.

    Terceiro: o Pe. Fábio pratica musculação, isso é evidente e óbvio, a não ser que ele faça uso de esteróides anabolizantes, algo de que duvido e que mesmo que fosse verdade, não lhe daria tais curvas. Que padre tem tempo disponível para praticar musculação? Ora, se ele tem esse tempo para treinar seu corpo, deveria destinar esse mesmo tempo disponível para outras atividades menos egoístas e mais caridosas, como a confissão, a título de exemplo. Às vezes o Pe. Fábio até usa camisas mais apertadas, como se quisesse (e talvez realmente o queira, não sabemos e, portanto, não podemos afirmar categoricamente isso) se exibir. Esse é outro visível absurdo extraído das atitudes do Pe. Fábio.

    Quarto: nos vídeos da entrevista dele no programa do Jô Soares, nem parece que ele pertence à Igreja Católica Apostólica Romana, pois concorda frequentemente com o discurso completamente tendencioso do apresentador e, sequer, defende pontos da liturgia, do catecismo e DOGMAS da nossa Igreja que o Sr. Jô Soares ataca abertamente. Que VERGONHA do Sr. Pe. Fábio. Que DEUS lhe perdõe por tantas ideias erradas que o senhor está incutindo na cabeça de tantas pessoas.

    Quinto: vi muitos comentários aqui dizendo para não acusarmos, pois seremos punidos por isso. Digo que sei disso e não gosto de julgar. Entretanto, juízos de valor podem ser feitos com base em questões objetivamente apresentadas, como no caso. O Pe. Fábio de Melo age pública e notoriamente da maneira abordada no artigo sob comento, e no seu dia a dia. Ele dá entrevistas sem usar batina, defende um discurso modernista com base no novo catecismo da Igreja Católica, não defende nossos dogmas de fé quando isso se faz necessário (obviamente como consequência de seu discurso anarquista – sim, pois defender o que ele defende para a Igreja, é o mesmo que defender a queda do Papa e deixar a “Barca de Pedro” nas mãos do Demônio), dentre várias outras ações/atitudes que nos legitimam a, confirmar apenas, o que ele faz. Julgá-lo, enquanto pessoa, padre, psicológo ou teólogo, aconteceria se não o conhecêssemos, se não soubéssemos a maneira como ele se porta nos vários momento de sua vida sacerdotal, que é perene.

    Que DEUS o perdõe e o abençõe e assim o faça com relação a nós, por favor DEUS PAI, DEUS FILHO e DEUS ESPÍRITO SANTO, amém.

  8. Edu disse:

    FT eu não li, mas também não sou que nem São Tomé e acho que como foi citado certamente é fato, e assim sendo realmente é heresia, pois a Eucaristia é verdadeiramente o Corpo e Sangue de Jesus e ponto. O que não faço e nem pretendo fazer é julgar, pois nós é que seremos julgados…o que temos a fazer, no meu entendimento e rezar pelos Padres , inclusive pelos que já nos deixaram, como nos diz continuamente Nossa Senhora através do Claudio. Acho que perceberam o que falei do que já nos foi ensinado e alertado em Jeremias 23, 1-2 , vamos sim nos preparar e dentro disso está o alertar pois devemos estar atento a tudo o que acontece. A Paz a todos.

  9. Edu disse:

    Deus nos deu o Livre arbitrio , para praticarmos e seguirmos o que quizermos, Nós seremos julgados pelo que fizermos , e com a mesma medida que julgarmos, seremos julgados. Ora não me cabe julgar ninguém , peço que Nosso Senhor Jesus Cristo nos dê Sabedoria, para o nosso fim de caminhada. Em não querer julgar e isso não quer dizer que concorde, somente o que posso fazer é rezar e pedir por todos os Padres e Bispos, principalmente que ele tenham força e conduzam ao povo de Deus pelo caminho certo, volto a dizer …… leiam Jeremias 23, 1-2…… NÃO TEMOS QUE CONCORDAR COM O QUE NÂO É DE DEUS, mas NÂO DEVEMOS JULGAR, e certamente seremos julgados . Sigamos e nos preparemos para o que nos está sendo passado, eu vejo claramente aqui, que não temos tempo a perder, vejo o FT dar respostas por perceber que certos assuntos ou até opniões não levariam a nada e entendo a postura que toma, podendo ou não concordar, mas entendo. Já falei de mais……. Fiquem na Paz de Jesus e com Amor de Nossa Senhora.

    Edu says:
    01/06/2011 at 12:03

    Bem, eu gostaria que todos dessem uma olhada aqui : http://www.viddler.com/explore/itape/videos/11/ no momento 2:20 à 7:54 , agora vale a pena assistir tudo.

  10. Devemos ter duas coisas em mente sobre este tema julgar:

    Uma é que não podemos ser hipócritas se nós temos um travessão em nosso olho, é melhor que tire para melhor ver o argueiro que estar em nosso irmão, como ficar vendo os defeitos dos outros enquanto o nosso é muito maior, mais não se deve confundir, pois outra coisa muito diferente é divulgar o evangelho e defende-lo, quem defende a palavra de Deus, quem defende o evangelho, quem defende a verdade, não pode agora ser acusado de estar errado de estar julgando, pois também desta forma é direcionada para próprio Cristo e seus apóstolos pois estaria julgando quando acusou, e desmascarou os hipócritas, os hereges e perversos, embora que eles tinha e tem esta autoridade, mais defender a verdade nós somos chamados, com também orar pelos outros, e nosso Jesus é o grande juiz e os apóstolos sentaram em trono a julgar as 12 tribos de Israel,

    Será que é melhor,

    1º – Deixar, um Herege em rede Nacional dizer que Cristo não estar presente na eucaristia,

    2º – Deixar, falsos mestres ensinarem as pessoas, que Cristo não é divino,

    3º – Deixar, os hereges, negar o evangelho oral,

    4º – Deixar, os hereges desonrar a vigem da virgem, negando que nossa Senhora permaneceu sempre virgem,

    5º – Deixar que os hereges e seus ensinamentos sedutores de falsa teologia enganem as pessoas mais simples,

    6º – Deixar os hereges negar que São Pedro fundou uma única Igreja em Roma,

    7º – Deixar que seja ensinado o sacrilégio na missa

    9º – Deixar, que as verdades confiadas a Igreja por Deus, sejam adulteradas

    10º – Deixar, que os Católicos saiam da Igreja sem antes serem advertidos, desde mal sobre eles

    11º – Deixar, que Os dogmas sejam ridicularizados ao desprezo da ignorância e da mentira

    12º – Entre tantas coisas deixar que pessoas usando roupa de cordeiro mintam, distorcem, criam, interpretem e ensinem em rede nacional, coisas que levaram os homens ao inferno

    Não, Não, digo que Não, assim como estar escrito se o povo de Deus se calar, Deus fará com que as pedras falem já que ninguém se preocupa com a verdade, não iremos entra em combate de agressão, mais assim como Lúcifer foi expulso do ceú, por Miguel e seus anjos, combateram contra a serpente com a verdade, assim como os apóstolos e discípulos de Cristo combateram o bom combate com o uso da verdade, assim faremos, pois conheceres a verdade e ela vos libertará, não vamos deixar sem antes avisar, que tal ensino, por tal pessoa, de tal religião que falou o para tal publico, não vamos deixar elas irem para casa sem antes poderem também ouvir e conhecer a verdade, para aí sim, ela poder escolher entre Deus e o Diabo, entre a mentira e a Verdade, sim vamos ao evangelho divulgar e ale defender como ao próprio Deus, pois é por ele, e para ele, e sem ele nada poderemos fazer, e assim como estar escrito que Elias irar vim com Enoc, as duas testemunhas denunciar as obras do anticristo, também devemos fazer nosso pequeno trabalho em denunciar os trabalhos do maligno que usa pessoas para perverterem a palavra de Deus.
    Edu says:
    01/06/2011 at 12:11

    No domingo, quando foi à missa, ouviu do padre que tudo aquilo de que precisamos devemos pedir a Deus e, se for para o nosso bem, ele atenderá. Joaquim voltou para casa, escreveu uma carta pedindo ajuda a Deus e enviou-a para o seguinte endereço: Deus Pai – Céu.
    Os funcionários do correio leram o estranho endereço e resolveram abrir a carta para ver do que se tratava. Estava escrito: “Meu bom Pai, tenho seis filhos. Estou desempregado. A esposa doente. Os filhos passam fome. Ajude-me, por favor. Preciso urgentemente de R$ 100,00. Obrigado, Joaquim.” Comovidos, os funcionários do correio arrecadaram o dinheiro entre eles, conseguindo R$ 80,00. Colocaram o dinheiro num envelope e enviaram-no para Joaquim.
    Quando este abriu a carta, pulou de alegria, mas constatou que dentro dela só havia R$ 80,00 e ele havia pedido R$ 100,00. Resolveu então escrever outra carta para o mesmo destinatário: Deus Pai – Céu. Os funcionários do correio, pensando que fosse o agradecimento de Joaquim a Deus, resolveram abrir novamente a carta… que dizia: “Senhor Deus, recebi os R$ 80,00. Mas cuidado, Senhor Deus! Numa próxima vez é melhor que o Senhor mande um cheque nominal, porque, mandando em dinheiro, os funcionários do correio roubam uma parte. Obrigado!” Moral da história: nem sempre vemos as coisas como elas realmente são e corremos o risco de cometer graves erros, precipitando-nos em nossos julgamentos. ….. Selecionado de : http://www.paralerepensar.com.br/richard_naojulgue.htm

    Lv 19:15 – Não fareis injustiça no juízo; não aceitarás o pobre, nem respeitarás o grande; com justiça julgarás o teu próximo.

    Jo 7:24 – Não julgueis segundo a aparência, mas julgai segundo a reta justiça.

    I Co 2:15 – Mas o que é espiritual discerne bem tudo, e ele de ninguém é discernido.

    I Co 5:12-13 – Porque que tenho eu em julgar também os que estão de fora? Não julgais vós os que estão dentro? Mas Deus julga os que estão de fora. Tirai, pois, dentre vós a esse iníquo.

    I Co 6:2-3 – Não sabeis vós que os santos hão de julgar o mundo? Ora, se o mundo deve ser julgado por vós, sois, porventura, indignos de julgar as coisas mínimas? Não sabeis vós que havemos de julgar os anjos? Quanto mais as coisas pertencentes a esta vida

  11. Devemos ter duas coisas em mente sobre este tema julgar:

    Uma é que não podemos ser hipócritas se nós temos um travessão em nosso olho, é melhor que tire para melhor ver o argueiro que estar em nosso irmão, a outra é divulgar o evangelho e defende-lo, quem defende a palavra de Deus, quem defende o evangelho, quem defende a verdade, não pode agora ser aacusado de estar julgando, se não o próprio Cristo e seus apóstolos estaria julgando quando acusou, e desmascarou os hipócritas, os hereges e perversos, mais defender a verdade nós somos chamados, com também orar pelos outros,

    Será que é melhor,

    1º – Deixar, um Herege em rede Nacional dizer que Cristo não estar presente na eucaristia,

    2º – Deixar, falsos mestres ensinarem as pessoas, que Cristo não é divino,

    3º – Deixar, os hereges, negar o evangelho oral,

    4º – Deixar, os hereges desonrar a vigem da virgem, negando que nossa Senhora permaneceu sempre virgem,

    5º – Deixar que os hereges e seus ensinamentos sedutores de falsa teologia enganem as pessoas mais simples,

    6º – Deixar os hereges negar que São Pedro fundou uma única Igreja em Roma,

    7º – Deixar que seja ensinado o sacrilégio na missa

    9º – Deixar, que as verdades confiadas a Igreja por Deus, sejam adulteradas

    10º – Deixar, que os Católicos saiam da Igreja sem antes serem advertidos, desde mal sobre eles

    11º – Deixar, que Os dogmas sejam ridicularizados ao desprezo da ignorância e da mentira

    12º – Entre tantas coisas deixar que pessoas usando roupa de cordeiro mintam, distorcem, criam, interpretem e ensinem em rede nacional, coisas que levaram os homens ao inferno

    Não, Não, digo que Não, assim como estar escrito se o povo de Deus se calar, Deus fará com que as pedras falem já que ninguém se preocupa com a verdade, não iremos entra em combate de agressão, mais assim como Lúcifer foi expulso do ceú, por Miguel e seus anjos, combateram contra a serpente com a verdade, assim como os apóstolos e discípulos de Cristo combateram o bom combate com o uso da verdade, assim faremos, pois conheceres a verdade e ela vos libertará, não vamos deixar sem antes avisar, que tal ensino, por tal pessoa, de tal religião que falou o para tal publico, não vamos deixar elas irem para casa sem antes poderem também ouvir e conhecer a verdade, para aí sim, ela poder escolher entre Deus e o Diabo, entre a mentira e a Verdade, sim vamos ao evangelho divulgar e ale defender como ao próprio Deus, pois é por ele, e para ele, e sem ele nada poderemos fazer, e assim como estar escrito que Elias irar vim com Enoc, as duas testemunhas denunciar as obras do anticristo, também devemos fazer nosso pequeno trabalho em denunciar os trabalhos do maligno que usa pessoas para perverterem a palavra de Deus.

  12. Edu disse:

    No domingo, quando foi à missa, ouviu do padre que tudo aquilo de que precisamos devemos pedir a Deus e, se for para o nosso bem, ele atenderá. Joaquim voltou para casa, escreveu uma carta pedindo ajuda a Deus e enviou-a para o seguinte endereço: Deus Pai – Céu.
    Os funcionários do correio leram o estranho endereço e resolveram abrir a carta para ver do que se tratava. Estava escrito: “Meu bom Pai, tenho seis filhos. Estou desempregado. A esposa doente. Os filhos passam fome. Ajude-me, por favor. Preciso urgentemente de R$ 100,00. Obrigado, Joaquim.” Comovidos, os funcionários do correio arrecadaram o dinheiro entre eles, conseguindo R$ 80,00. Colocaram o dinheiro num envelope e enviaram-no para Joaquim.
    Quando este abriu a carta, pulou de alegria, mas constatou que dentro dela só havia R$ 80,00 e ele havia pedido R$ 100,00. Resolveu então escrever outra carta para o mesmo destinatário: Deus Pai – Céu. Os funcionários do correio, pensando que fosse o agradecimento de Joaquim a Deus, resolveram abrir novamente a carta… que dizia: “Senhor Deus, recebi os R$ 80,00. Mas cuidado, Senhor Deus! Numa próxima vez é melhor que o Senhor mande um cheque nominal, porque, mandando em dinheiro, os funcionários do correio roubam uma parte. Obrigado!” Moral da história: nem sempre vemos as coisas como elas realmente são e corremos o risco de cometer graves erros, precipitando-nos em nossos julgamentos. ….. Selecionado de : http://www.paralerepensar.com.br/richard_naojulgue.htm

  13. Edu disse:

    Bem, eu gostaria que todos dessem uma olhada aqui : http://www.viddler.com/explore/itape/videos/11/ no momento 2:20 à 7:54 , agora vale a pena assistir tudo.

  14. Muitos estão dizendo aí que não se deve julgar, mais isto é uma opinião de pessoas que não buscam examinar as escrituras no seu contexto, e nem tem um compromisso como São Paulo em defesa do evangelho, pois são Paulo dizia que tinha como missão defender o evangelho, defender a verdade, e o glorioso apóstolos São Paulo, grande apostolo pela vontade de Deus, o que ele fazia, com os que se diziam Cristão e pervertiam a verdade, como ele se comportava ao se deparar com os que se fazendo de mestres ensinando outra coisa alem da verdade, o que ele fez ficou calado, deixando as pessoas ser enganados pela aqueles que se diziam ser servos de Deus, não Paulo não ficou calado, com medo de estar julgando, mais pelo contrario, no uso da reta Justiça, pelo bem da verdade, e para as pessoas não serem iludidas por aqueles que estavam mentindo a respeito do evangelho, ele mesmo avisava, para nem conviver com aqueles que se diziam irmão, e fazia coisas depraváveis,
    Ele muito que nos advertiu dos que não suportariam a sã doutrina, se ajuntando entre si mestres com outro evangelho, ele mesmo avisou sobre muitos falsos profetas, ele mesmo os julgou e condenou os que indevida demente não acreditavam na real presença de Cristo na eucaristia, quando alguém não sabe fazer distinção do estar na eucaristia condena a si próprio, ele mesmo julgou e dava a sentença contra todos os que ensinavam outra coisa alem do evangelho, ele mesmo diz mesmo que um anjo ensinando outra coisa que fora o que foi dado por eles os apóstolos, que o tal seja maldito,
    Pedro e Paulo, eles mesmo julgaram, e questionaram aqueles que sem a autorização deles, estavam ensinando que deveria, exigir as cargas judaicos sobre as costas dos pagãs, sim eles julgaram, mais não como aqueles que ver um irmão roubando um relógio e diz vc é ladrão merece o inferno, mais sobre outro dilema julgaram na reta justiça pela defesa da verdade, dando uma sentença contra os que ensinavam outra coisa fora o que eles transmitiram, eles po defesa do evangelho não ficaram calados, não deixaram as palavras de Deus serem destorcidas, mais combateram o bom combate na luz da verdade em defesa do que o Senhor os transmitiu
    E assim devemos pela reta justiça, isto é em defesa da verdade, qualquer irmão que ensinar outra coisa além da verdade assim como Paulo o advertiu, devemos os adverti-los uma ou duas vezes, se o tal continuar deixamos, pois meu amigo ele mesmo cairá em um fundo precipício que com suas forças não mais sairão de lá, e não podemos deixar que outros caiam no mesmo precipicio, imitando são Pualo assim como ele falou, que sejamos o seu imitador como ele é de Cristo, devemos mostrar as pessoas a onde estar ensiando a mentira para que as pessoas se cairem não foi por falta de aviso, este Padre de vemos orar por ele, e avisar as pessoas que são telespetador do mesmo, sobre as heresias do mesmo em defesa da verdade para que elas não sejam enganadas por aqueles que se escondem em uma pela de ovelha ,
    Veja estes versículos abaixo, mostrando, como sim podemos em defesa da justiça, do evangelho, julgar, não com nossas próprias opinião humanas, mais mostrando as pessoas a palavra da justiça isto é, colocar Deus falando a elas dando a elas conhecerem a verdade,
    OBS. o Julgar que não devemos fazer é estar escarnecendo as pessoas, falando de um e de outro, de questões pessoas, condenando um, e outro, dizendo que um e mais pecador do que o outro, se fazendo de juízes, quando na verdade o magistério da Igreja deve apascentar, mais sim se qualquer um irmão estar ensinando a mentira sobre o evangelho, Deus irar cobra de nós se ficarmos calados, pois se conhecemos a verdade e calamos nossa boca, nós seremos culpados pelos que foram enganados,
    Vejamos:
    Lv 19:15 – Não fareis injustiça no juízo; não aceitarás o pobre, nem respeitarás o grande; com justiça julgarás o teu próximo.

    Jo 7:24 – Não julgueis segundo a aparência, mas julgai segundo a reta justiça.

    I Co 2:15 – Mas o que é espiritual discerne bem tudo, e ele de ninguém é discernido.

    I Co 5:12-13 – Porque que tenho eu em julgar também os que estão de fora? Não julgais vós os que estão dentro? Mas Deus julga os que estão de fora. Tirai, pois, dentre vós a esse iníquo.

    I Co 6:2-3 – Não sabeis vós que os santos hão de julgar o mundo? Ora, se o mundo deve ser julgado por vós, sois, porventura, indignos de julgar as coisas mínimas? Não sabeis vós que havemos de julgar os anjos? Quanto mais as coisas pertencentes a esta vida

  15. joao angelo nunes leal disse:

    Caro Fim dos tempos,
    Hoje mesmo conversei com um sacerdote que se dispôs a ler o material da obra e passei as informações para o Arnaldo que vai mandar alguns materiais para ele. Pelas características do trabalho que ele faz em Teresina – PI em defesa da liturgia (inclusive a Paróquia dele adquiriu um Missal Romano) acredito que será mais um sacerdote a apoiar o movimento.
    Fim dos tempos, sinto que precisamos de mais práticas de piedade, jejuns e sacrifícios. E precisamos pensar que todos podemos ser convertidos, mesmos aqueles, inclusive padres que interpretam a Sagrada Escritura de forma diferente da Tradição Apostólica podem se converter. Podemos ter como exemplo o contexto do Milagre Eucarístico de Lanciano, onde um Frei não acreditava na presença real do Corpo e Sangue do Cristo e foi convertido pelo Milagre.
    Cabe, diante da apostasia a nossa atitude corajosa, que vejo neste site e nas pessoas do movimento, mas cabe também nossas orações, nossos jejuns e sacrifícios. Vamos pedir a Nosso Senhor que transforme a todos nós, pois o seu poder é infinito. E vamos todos nos lembrar amanhã é dia de ascese, sacrifício e jejun. Vamos lutar pela reparação do Imaculado Coração da Nossa Mâezinha do Céu e do Sagrado Coração de Nosso Senhor Jesus Cristo. Amém.

  16. Kátia da Silva e Oliveira disse:

    Continuação: Quanto à RESSURREIÇÃO DE JESUS CRISTO: No par. 651 diz: ” Se CRISTO não ressuscitou, vazia é a nossa pregação, vazia é também a nossa FÉ” (I COR. 15,14) A RESSURREIÇÃO constitui antes as propriedades novas e sobrenaturais de que desfruta a partir de agora seu corpo em caráter permanente. Mas durante os quarenta dias que vai comer e beber com seus discípulos e instruí-los sobre o Reino, sua glória permanece ainda velada sob os traços de uma humanidade comum. A última aparição de JESUS termina com a entrada irreversível de sua humanidade na GLÓRIA DIVINA, simbolizada pela nuvem e pelo céu, onde já está desde agora sentado à direita de DEUS. A NOSSO SENHOR JESUS CRISTO TODA HONRA, PODER E GLÓRIA PARA SEMPRE.

  17. ROBERTO CORRÊA DE ANDRADE disse:

    É estranho ver um Pe. Paulo Ricardo e um Pe. Fábio. Imaginem se, inversamente, uma freira se vestisse com o mesmo tipo de indumentária que se veste o padre Fábio: o que poderíamos pensar? A quem ele quer atrair ?
     É duro para nós, “formiguinhas mancas”, vermos ele nessa situação, o Pe. Antonio Maria dizendo em público que viu as (outras) formiguinhas bordadeiras fazendo imagens de Nsa. Senhora (só não percebeu que “paz” estava escrito com “s”) e ver o padre da minha paróquia mentir discaradamente, no final da missa,  dizendo para as pessoas trazerem o óleo de fritura usado, para a gincana da igreja; que não fizessem sabão com ele, porque a soda cáustica empregada polui DEZ vezes mais que o produto usado pelas indústrias (sic!). Final dos Tempos?
    Ele é muito efetivo na conversão ou reconversão de pessoas, no aconselhamento psicológico e muito lúcido nas suas palestras.Sei lá como ele lida com os seus conflitos, sua fama! Mas é o que costumo dizer: não é porque eu acredite que a minha religião seja a verdadeira, que seja a mais correta. Para alguns “pastores” talvez, por sermos um rebanho, pensem que tenhamos cérebros de ovelhas. Orai e vigiai.   

  18. Kátia da Silva e Oliveira disse:

    A Paz de Cristo e o Amor de Maria! Vejamos o que diz o CATECISMO DA IGREJA CATÓLICA – Edição Típica Vaticana – carta apostólica João Paulo II , no Parágrafo nº 1356: “Se os cristãos celebram a EUCARISTIA desde as origens, e sob uma forma que, em sua substância, não sofreu alterações através da grande diversidade dos tempos e das liturgias, é porque temos consciência de estarmos ligados ao mandamento do SENHOR, dado na véspera de sua paixão: “FAZEI ISTO EM MEMÓRIA DE MIM” (I Cor 11,24-25).
    No par. nº 1357: “Cumprindo esta ordem do SENHOR celebrando o MEMORIAL DE SEU SACRIFÍCIO. Ao fazermos isto, OFERECEMOS AO PAI O QUE ELE MESMO NOS DEU: OS DONS DE SUA CRIAÇÃO, O PÃO E O VINHO, QUE PELO PODER DO ESPÍRITO SANTO E PELAS PALAVRAS DE CRISTO SE TORNARAM O CORPO E O SANGUE DE CRISTO, O QUAL, ASSIM, SE TORNA REAL E MISTERIOSAMENTE PRESENTE”.No par. nº 1358: “Por isso, temos de considerar a EUCARISTIA: – como ação de graças e louvor ao Pai;- como memorial sacrifical de CRISTO e de seu corpo;- como PRESENÇA DE CRISTO PELO PODER DE SUA PALAVRA E DE SEU ESPÍRITO. LOUVADO SEJA NOSSO SENHOR JESUS CRISTO, PARA SEMPRE SEJA LOUVADO!

  19. Daniel Zapotoczny Junior disse:

    Porém acredito que em alguns casos pode acontecer
    como ja aconteceu e muito em nossa amada Igreja
    de a leitura de uma palavra ser mal interpretada, e uma pessoa que nem se quer teve chance de se “defender” ser julgada,
    não estou dizendo que este padre é certo ou não, estou dizendo que Nosso Senhor Jesus Cristo o ungiu e assim ele é também de certa forma caminho para Deus, eu não quero mais este peso sobre mim na hora de meu julgamento.
    A justiça divina esta acima de nossa compreenção, eu pensava que profetas estavam acima de erros e que o Espirito Santo os “corrige” em suas falhas, porém conforme vocês mesmos postaram aqui: http://www.fimdostempos.net/papas.html ha divergencia em varias “provisões” nosso papa atual é santo e eu creio que sim e isso não quer dizer que as provisoes estejam erradas, so quer dizer que não somos donos de toda verdade.

  20. joao angelo nunes leal disse:

    Caríssimos,
    Vou repetir aqui a minha oração e peço a todos que oremos pela Nossa Santa e Una Igreja Católica.
    E peço a todos qiue a entendam como uma oração.
    Nós chegamos a um ponto em que todas as pessoas que vêm uma outra praticando a piedade ou evangelizando e falando de Nosso Pai já pergunta imediatamente a ela se ela é evangélica. Só nesta semana no meu trabalho, quando estive falando sobre o movimento, sobre profecias, sobre a necessidade de oração e de um relacionamento íntimo com Nosso Senhor, três pessoas de perguntaram se sou evangélico (protestante).
    Acredito eu que as pessoas perderam essa identidade do católico com a oração pela nossa falta de testemunho. Minha oração que quero compartilhar é: Senhor Jesus, Livrai todos os Vossos filho e filhas das interpretações pessoais, inclusive ao dos nossos sacerdotes, que estão distantes do verdadeiro magistério da Igreja católica e da tradição apostólica e fazei Senhor com que não necessitemos de sinais para crermos verdadeiramente, pois Vós mesmo dissestes: “Bem aventurados os que não viram e creram”.
    Amém.

  21. ADILSON A RAMOS disse:

    Eu sou do interior da Bahia, sou catolico tradicional graças a DEUS, e ja ha muito tempo venho lendo e sabendo de tudo que se passa pela Igreja Catolica e UNA, e na minha cidade tem uma festa anual profana que é a vaquejada onde tudo de profano e pecado acontece neste lugar, um verdadeira PORCARIA, drogas, bebidas, sexo, prostituicao tudo que o diabo gosta, dai eu ja estava desconfiado deste padre Fabio de Melo, por se promover mais que as coisas divina, ele é mais para o mundo do que para DEUS, dai ele veio para esta tal festa … ACREDITEM ELE ESTE CANTANDO NESTE LUGAR HORRIVEL, LUGAR DE PADRE E EVANGELIZANDO E LEVANDO AS PESSOAS PARA SALVAR SUAS ALMAS E NAO CANTADO SE PROMOVENDO, CONFUNDIDO A CABEÇAS DAS PESSOAS E RECEBEDO ATE … PASMEM … CALCINHAS DAS MULHERES QUE FORAM AO ESPETACULOS QUE ELE FAZ ISSO TUDO É HORRIVEL E TRISTE

  22. Daniel Zapotoczny Junior disse:

    Engraçado que isso me lembra algo assim:
    Quem os nomeou justos juízes? Para julgar este ou aquele segundo a sua justiça?
    e isso também:
    “Não julgueis para não serdes julgados. Pois com o julgamento com que julgais sereis julgados, e com a medida com que medis sereis medidos.”
    “Julgue não pelas aparências, mas pelo justo julgamento.” (Jesus Cristo)
    Porém “Quem julga as pessoas não tem tempo para amá-las.” (Madre Teresa de Calcutá),
    Mas não importa tanto pois os céus anunciam a sua justiça, pois Deus vai julgar. (Salmos 50,6),
    como foi dito acima devemos nos deter a rezar e aconselhar todos em oração po-los nas mãos de Deus e Maria !
    Não se apressem em dizer este ou aquele esta certo, ou : o clero esta um contra o outro (ao que diz respeito ao outro post, Pe. Marcelo e Pe. Zezinho) pois quem JULGA sera julgado com a mesma medida. (tendes misericordia ??)

  23. CRISTOVAO disse:

    Concordo como edu nao devemos julgar. Deus tenha misericordia de nos .

  24. Lenivaldo disse:

    Não basta tão somente mostrar a verdade sobre a heresia do Pe. Fábio de Melo, temos que orar por ele e por todos os sacerdotes que enveredam por este caminho. Afinal todos nós merecemos uma segunda chance enquanto não vier a Grande Tribulação!! Será que nós estamos vazendo a nossa parte??

  25. Barbara disse:

    Deus me perdoe mas este padre nunca me cheirou bem, pelas entrevistas,cantos ,nunca menciona o nome de Deus de Maria .Parece  que foi mandado pela Nova Ordem Mundial para nos confundir. eu o vejo como um ator de novela um cantor setanejo.

  26. Luis Toledo disse:

    Porque ficar postando tantos assuntos religiososas principalmente catolicos como sendo a ultima palavra em verdades dos assuntos divinos?

    Sendo que somos um pais laico, e as interpretações religiosas são tão divergentes, onde está o direito e o respeito a tolerancia de pensamentos de todos os irmãos, inclusive de ter retirado o meu comentário anterior, que radicalismo é este? vamos respeitar os direitos e as opniões de todos sem ofensas e rancor, educação é a base fundamental de quem quer falar e ouvir.

  27. Eu preciso contar um sonho que tive,
    Sempre fui Católico, mais por viver em uma sociedade cristã dividida, por ter muito contado com os protestantes, que são visinhos, conhecidos e amigos, fui me tornando um Católico com visões heréticas, por influencia protestante, mais isto também é uma culpa nossa quando acontece por estar sendo negligente com a Igreja e não buscar ter zelo com ela, por não tentar conhecer o que ela ensina e o que ela sempre ensinou, e por não buscarem conhecimento na coluna e fundamento da verdade que é a Igreja, ficamos veneráveis a mentiras heréticas que nos leva a um poço, se não sendo por uma graça divina, cairemos em uma escuridão,cujo um buraco muito fundo não podemos mais sair,

    Mais por uma graça dos céus na minha busca pelo conhecimento, encontrei estudando a historia da Igreja, que ela sempre foi e será Católica fundada pelos dois gloriosos apóstolos em Roma,

    E estudando os pais da Igreja a tradição, me tornei um defensor da tradição da Igreja, como um defensor da verdade, e todas a heresias que acusarão a santa Igreja, hoje mostro a protestantes e Católicos como os ensinos da Igreja São Evangélicos, e fora deles não pode a ver verdade, sendo assim não pode ser libertado, pois é conhecendo a verdade que elas nos liberta das ciladas do maligno, e o evangelho ele é tanto oral como escrito, e como foi a tradição ora da Santa Igreja que testemunho o escrito, A Igreja vem nestes 2000 anos anunciando a verdade que Deus a ale colocou como guardiã da palavra, sendo os apóstolos colunas desta Igreja, sendo nós pedras vivas, nesta Igreja da suma verdade, todos nós devemos defender e assumir a responsabilidade de como membro corpo de Cristo, anunciar a verdade assim como ela nos foi revelado, e por isto existe uma tradição e dogmas imutáveis, e estes dogmas são verdades que todo o Católico tem que assumir, não pode ser negado nem por bispos e nem Papas, pois não se pode negar verdades dogmáticas, que uma vez foi confirmada em concilio, assim como foi, o Realizado por Papa São Pio X com o concilio de Trento este concilio de fim dogmático que ninguém ouse ensinar de outra forma, muito menos um padre moderno que foi adotado por um bispo, sem voto tradicionais, sacerdotais sem voto de pobreza, vem hoje negar realidade que a nem um Papa autoridade e governador, príncipe dos apóstolos, a apascenta dor de toda a suma da Igreja ele mesmo não pode negar,

    Mais falando do sonho, antes de conhecer a tradição da Igreja e estudar sobre ela, fiquei sendo mais um dos que assistem a canção nova, fascinado com este Padre, de aparência bela e palavras lisonjeiras, que mesmo antes eu já estava percebendo que a pregação dele tem mais aspecto humano de coisas de entendimento humano de que em falar sobre as coisas de Deus, mesmo sendo leigo ou qualquer um poderá notar, que ele fala quase ou nada dos escritos do evangelho, como Capítulos e versículos, muito menos ainda fala da tradição da Igreja, ele passa a maior parte do tempo falando não de palavras bíblicas mais humanas, isso mim faz lembrar de São Pedro como o diabo estava querendo fazer ele cair nesta cilada, quando o fez ele não querer que Jesus morresse na Cruz, e cristo disse apartai de mim satanás pois não entendes as coisas de Deus mais aos dos homens, é o que este Padre estar fazendo agora, estar entendendo mais as coisas dos homens do que as de Deus, que foi para onde ele foi chama para trabalhar na obra de Deus, e não nas dos homens.

    E meu sonho , foi antes de ter este entendimento, no momento não entendei ele pois até então estava fascinado com ele, pois eu estava sendo um telespectador da canção nova, e no meu sonho, eu estava como em um teatro, lá estava com pouca luz, estava presente uns vinte padres, de preto e estavam com a roupa convencional que os Padres usam, lá estava o Pe. Paulo Ricardo no palco ensinando para todos eles, e na verdade só tinha luz no palco a onde Paulo Ricardo estava, naquela época o Pe Paulo, ele não estava tão tradicional na palavra como vejo agora, pois sei que hoje ele é mais um dos trabalhadores da ultima hora, pois estar em defesa do que a Igreja sempre ensinou e não se colocar mais como um padre moderninho, pois já vi ele se retratando de ensinos que ele ensinou, que ele hoje diz que estavam errados, como no caso da eucaristia pois antes ele ensinava que era para se pegar com as mão mais hoje ele já deixou depoimentos contra este sacrilégio, e neste sonho o Padre Paulo ensinando, eu estava sentado no junto com todos os outros Padres e quem estava lá também era Pe Fabio,

    Depois de um momento eu ouvindo o Padre Ricardo falar, não lembro quais foram as palavras dele, mais sei que me levantei em dado momento, olhei para Padre Ricardo ele parou com a palestra, e eu disse a ele, apontei para Padre Fabio e disse eu quase ia ser Padre por cause deste Padre, eu dizendo para ele que quase seria Padre por causa de Padre Fabio,

    Isto é, muito que profético este sonho, pois todos nós somos Padre em um certo ponto, no caso sacerdotes eternos, pois somos o corpo de Cristo, que é sacerdote o sumo sacerdote, se somos corpo dele, assim somos também, mais ele é a cabeça,

    Mais a questão, é se eu fosse ser um sacerdote por causa dele, isto é eu iria participar das suas heresias e seus ensinos, se eu iria por causa dele, é porque até aquele momento eu estava sendo telespectador em um teatro que é a canção nova e seus Padres, mais moderna do que tradicional, alguma coisa Padre Fabio, tinha feito para mim se retirar de lá e não ser mais um ouvinte daquele teatro, hoje eu sei o que o Vaticano II provocou na Igreja, até aquele momento eu não sabia,

    Vejamos, eu estava naquele teatro, isto me diz que eu estava muito que concordando e promovendo o que eles ensinavam, e sua moderna evangelização, mais protestante do que Católico, realmente era assim, pois da forma que a Canção e RCC, ensinam era desta forma, que eu influenciado pelo protestantismo estava, eu sair e me libertei da influencia protestante, nós sabemos que lá ouve esta influencia, embora que eles não são tão como a RCC, mais são sim conducentes semelhantes ao protestantismo ao relaxamento universal liberal após o vaticano II,

    Sim não serei pela um graça divina sacerdote de Cristo por casa deles, mais graças ao batismo de Cristo, sou neste corpo de Cristo, me desprendo do moderno, para me firma no que é verdadeiro, sendo revestido do novo que é velho no tempo de 2000 anos, mais novo em corpo que nos formados, em panos limpos revestidos do que é novo, isto é um novo homem que fomos formados no batismo, em um só ensino, em uma só Igreja, em um só Pastor, em uma suma unidade,

    E assim como a Igreja Recebeu, e assim como estar no seu dogma, inalterado, assim com é a cabeça de Cristo da Igreja, na comunham com ela que é Cristo, permanecendo na videira, permanecendo em Cristo, sendo galhos nesta videira, para sim só em Cristo poder produzir os frutos para Deus, que sem igual modo não poderemos agradar a Deus, sem permanecemos nesta unidade, que nos foi revelada,

    E sendo assim fora modernismo, que nos quer desprender do que permanecer em Deus, isto é Cristo, permanecemos em Cristo, permanecemos no amor de Deus.

    Baixem este livro gratuito que eu preparei em defesa da verdade
    http://www.jesusunicocaminho.com/Em_Defesa_da_Verdadeira_F%C3%A9.pdf

  28. Ricardo disse:

    Para o Edu: não julgo a pessoa do padre Fabio, talvez realmente ele seja pessoalmente muito melhor que nós 2 juntos. O que julgo são as palavras do padre sobre a Eucaristia: vergonhosas, escandalosas, de péssima instrução para os fieis. Como é triste ver um homem que tem o poder de transformar pão e vinho no Corpo e Sangue de Jesus se referir dessa maneira à Eucaristia!

  29. Só digo uma coisa, isso é a tal teologia da libertação, onde ficam piores que protestante….
    Alias ja está conquistando as outras seitas vejam isso e pasmem o que vou colocar aqui, depois do encontro dela com profetisa Ana Paula Valadão, comentario de um evangelico vou colocar aqui vejam:

    Ana Paula Valadão perdeu a oportunidade de evangelizar este padre e ganha-lo para cristo.
    o Espirito Santo vai agir e irá converte-lo em Nome de Jesus, ele verá que idolatras não herdarão o reino dos céus…Estou Orando por vcs Padre Fábio e padre MArcelo, em nome de JEsus ainda o veremos testemunhar .
    outro comentario:
    este padre é mais pastor do q padre,só falta largar a maria e o bento 66,até os idolatras tradicionais não aceitam ele como padre,pois não usa a tal batina q é uma coisa horrivel aquela batina,prefiro a capa do batiman..
    Que Deus tenha piedade só digo isso!
    Edu não estamos julgando ninguém apenas vendo o caos que esta a Santa Igreja Catòlica depois que começou esta erva daninha da Teologia da Libertação só isso.
    Que mais devemos fazer senão rezar pelos padres hein?
    Pois esta feio a situação que se encontram.

  30. Donizete disse:

     O que é que vocês têm contra esse padre?
     Por que ficam pegando no pé dele?
     E cadê a fonte da notícia?

  31. mario ribeiro disse:

    Edu está errado ao dizer que não devemos julgar. Na verdade, o pr´prio Cristo disse “não julgueis pelas aparências, mas pela reta justiça”!

  32. CELS2010 disse:

    Eu nunca foi muito crédulo de pessoas que usam uma linguagem muito culta para falar das coisas de Deus. Se Deus usa dos fracos para confundir os fortes e esconde dos sábios para revelar aos humildes e pequeninos, o Pe. Fábio parece estar falando para os donos desse mundo e não para o povo simples, este realmente carente da Doutrina da Igreja e das verdades do Evangelho. Qual é a função de um Sacerdote, não é pregar a Palavra de maneira que todo o povo entenda? Sem falar que no meio das palavras “diferentes” é sempre mais fácil de semear a inverdade de forma camuflada.

  33. joao angelo nunes leal disse:

    Senhor Jesus, Livrai todos os Vossos filho e filhas das interpretações pessoais, inclusive ao dos nossos sacerdotes, que estão distantes do verdadeiro magistério da Igreja católica e da tradição apostólica e fazei Senhor com que não necessitemos de sinais para crermos verdadeiramente, pois Vós mesmo dissestes: “Bem aventurados os que não viram e creram”.

  34. Edu disse:

    Todos nós prestaremos contas, a Biblia diz algo sobre o descrito ….em Jeremias 23, 1-2…outra coisa não devemos julgar …mas todos seremos julgados. Que Deus tenha misericórdia de todos nós.


Comments are closed.

.

GRÁTIS: Receba Atualizações em seu E-mail:

Clique no link em sua Caixa de Entrada ou Spam para confirmar a inscrição.
.
Categorias
Pesquisar
.