Santificar o sábado ou o domingo?

Published on maio 11, 2011 by   ·   1 Comment
A Bíblia ordena (Ex 20,8s): “Lembra-te de santificar o dia de Sábado”. Por que, então, os católicos guardam o Domingo?

Em Mc 2,27-28 afirma Jesus: “O Sábado foi feito para o homem e não o homem para o sábado. Por isso, o Filho do Homem é Senhor também do sábado.” Sendo, pois, Senhor do sábado, Jesustransferiu a santificação deste dia para Domingo, o dia da sua Ressurreição e da vinda do Espírito Santo à Igreja da Nova e Eterna Aliança, como o atesta toda a tradição cristã. (Mc 16,9 e At 2,1)

Provas indiretas da santificação do Domingo já no tempo dos Apóstolos achamo-las em At 20,7: “No primeiro dia da semana (domingo),estando nós reunidos para a fração do pão (santa missa), Paulo falava…”

Em I Cor 16,2: “No primeiro dia da semana, cada um de vós ponha de parte…”

No último livro da B´´iblia, no Ap 1,10 São João Evangelista já usa a nova denominação cristã, “Domingo” – “Dia do Senhor”, em lugar do judaico “primeiro dia da semana”, ou do romano “dia do sol”, – testemunhando de que já naquela época os cristãos celebravam este dia, chamand-o de “dia do Senhor – Ressuscitado”.

Quase todos os biblistas estão de acordo com os cientistas, de que os sete dias da criação, não eram sete dias de 24 horas, mas sete dias, épocas, de milhares de anos. E não existe povo ou cultura, que possa historicamente provar, qual dia da semana era o 1odia. O “Sábado” bíblico, na língua hebraica, está relacionado com “descanso” e com “sétimo” dia. Daí a intenção do Autor da Bíblia era: ordenar à humanidade que trabalhasse durante seis dias e descansasse no sétimo, dedicando-o em sua honra. Por isso a Igreja Católica respeita os muçulmanos que celebram “o sétimo dia do descanso” na nossa Sexta-feira; como também os judeus que o celebram no sábado. Enquanto os cristãos, desde primeiro século, escolheram para o dia do descanso, o dia histórico de domingo, o dia da nova criação em honra do “novo Adão, Ressuscitado” – Jesus Cristo.

FONTE

 

LEIA TAMBÉM: Assuntos Relacionados

Tags: 

Readers Comments (1)
  1. joao angelo nunes leal disse:

    Perfeito. Gostaria de acrescentar ao texto o ensinamento dado pelo Papa Bento XVI na homília da Vígilia Pascal deste ano de 2011, quando nos leva a refletir que o encontro com Jesus deve acontecer especialmente no Domingo, quando encontramos com o Cristo Ressussitado:

    “Entretanto, na Páscoa e a partir da experiência pascal dos cristãos, devemos ainda dar mais um passo. O Sábado é o sétimo dia da semana. Depois de seis dias em que o homem, de certa forma, participa no trabalho criador de Deus, o Sábado é o dia do repouso. Mas, na Igreja nascente, sucedeu algo de inaudito: no lugar do Sábado, do sétimo dia, entra o primeiro dia. Este, enquanto dia da assembleia litúrgica, é o dia do encontro com Deus por meio de Jesus Cristo, que no primeiro dia, o Domingo, encontrou como Ressuscitado os seus, depois que estes encontraram vazio o sepulcro. Agora inverte-se a estrutura da semana: já não está orientada para o sétimo dia, em que se participa no repouso de Deus; a semana inicia com o primeiro dia como dia do encontro com o Ressuscitado”.


Comments are closed.

Receba nossas atualizações, é Grátis

Digite seu e-mail:

Clique no link em sua Caixa de Entrada ou Spam para confirmar a inscrição.
.
 
Receba Atualizações GRÁTIS - Digite seu e-mail e confirme em sua Caixa de Entrada ou Spam: